BananinhaAzul porque um dia perguntei a cor de uma banana á minha filha e ela respondeu azul. Embora também pudesse ter este nome porque a cor azul é repetidamente relacionada com Autismo.
Com este blog passo a fazer uma das coisas que mais gosto de fazer que é escrever e escrevo sobre uma temática em que realmente tenho alguma coisa para dizer... Goste!

quarta-feira, 3 de abril de 2013

A Arte de Bem Dormir

Ontem andava a vaguear por páginas do Facebook quando encontrei uma página, alegadamente, gerida por Carly F. ( a menina autista que espantou a familia ao comunicar pela primeira vez, quando sentiu uma dor de dentes e pediu ajuda, concerteza conheçe a história) que falava sobre os problemas de sono de crianças autistas, resolvi falar do assunto aqui no blog.

Cerca de 40% a 80% de crianças autistas têm problemas com o sono.
Ou têm dificuldades para adormecer, ou por vezes acordam durante a noite e não voltam a dormir.
Esse é um problema que agráva grávemente a qualidade de vida, não só de quem o padece mas também do resto da família, isto porque gerálmente a criança já não consegue ficar sossegada e calada acordando toda a gente.

A falta de sono pode agravar vários sintomas do autismo, nomeadamente:

  • Agressividade
  • Depressão
  • Hiperactividade
  • Aumento de problemas de comportamento
  • Irritabilidade
  • Dificuldades de Aprendizagem
  • Comprometido Desempenho Cognitivo


A causa para que isto aconteça, não é ainda conhecida, existem várias teorias.
Estudos ciêntificos revelam que crianças autistas têm altos níveis de melatonina durante o dia e níveis mais baixos durante a noite quando deveria aconteçer ao contrário. A melatonina ajuda a regular os ciclos de sono-vigília. Pesquisadores falam de níveis alterados de triptofano, que é um aminoácido que a melotonina precisa para se produzir.

Outra teoria, para que as crianças tenham dificuldades em adormecer, ou para que acordem durante a noite passa por um aumento de estimulos externos. Uma criança autista pode acordar, só porque, ouviu um clique do interruptor da luz, ou a porta do quarto a abrir ou até porque o toque da roupa da cama a incomóda.

Durante a vida o número de horas de sono é variável, conforme a idade:

Idade 1-3 anos: 12/14 horas de sono
Idade 3-6 anos: 10/12 horas de sono
Idade 7-12 anos: 10/11 horas de sono

Deixo-lhe algumas dicas que li aqui e ali para ajudar:

  • Estabeleçer uma rotina é fundamental. Sempre à mesma hora dê banho ao seu filho, leia uma história e meta-o na cama.
  • A cafeína ( o que inclui Coca-Cola)  e acúcar estão proibidos antes de dormir. São estimulantes e por isso têm que ser eliminados a essa hora.
  • Evitar actividades estimulantes, como é o caso da televisão e  jogos de computador.
  • Ler um livro ou ouvir uma música calma ou ainda uma massagem, são ótimas formas de relaxar antes de dormir.
  • O quarto deverá ter uma temperatura amena, e aluz deverá ser bloqueada com os estores corridos e cortinas fechadas. Tudo isto para evitar distrações sensoriais.
  • Em caso absolutamente necessário pode dar melatonina ao seu filho. É um suplemento dietético e é utilizado para normalizar os ciclos de sono-vigília. É, segundo pesquisas, uma medicação segura e eficaz, mas não deixe de falar primeiro com o médico assistente.
  • Expor a criança a luzes intensas pela mãnha ajuda a regular naturalmente a produção de melatonina.

Se está com dificuldades nesta matéria, espero que o post de hoje o ajude...
 

Sem comentários:

Enviar um comentário